Marcelo Antonio de Oliveira Alves de Moura

Home Membros Marcelo Antonio de Oliveira Alves de Moura


Cadeira nº 11
Patrono:
Délio Maranhão


 

Nasceu em 26.12.1969. Graduou-se em Direito pela Faculdade Nacional de Direito, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, em 17.7.93, com diploma de dignidade acadêmica no grau cum laude, na turma da qual foi orador. Concluiu o Mestrado em Ciências Jurídicas na Universidade Antonio de Nebrija, Madri, Espanha, em 16.12.2002. Obteve a revalidação do titulo estrangeiro no Brasil, no grau de Mestre em Direito, pela Universidade Gama Filho (RJ). Sempre atuou na área trabalhista, tendo iniciado sua carreira como advogado do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Radiodifusão do Estado do Rio de Janeiro, no qual passou à função de assessor da diretoria em 1995.

Ingressou no serviço público como Analista Judiciário, em 1996, no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. Desde 16.7.1998 exerce o cargo de Juiz do Trabalho no Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (RJ). Atualmente é titular da 19ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro. Ingressou no magistério jurídico no ano de 1994, na Escola Superior de Advocacia do Rio de Janeiro.

Integrou o corpo docente de inúmeras instituições de ensino superior, entre as quais se destacam a Universidade Federal do Rio de Janeiro, Universidade Federal da Bahia e Escola de Direito da Fundação Getúlio Vargas (RJ). Exerce o cargo de coordenador acadêmico do Curso de Direito da Universidade Candido Mendes – campus Ipanema, na qual ministra a Disciplina de Direito do Trabalho.

Membro do Instituto Luso-brasileiro de Direito Comparado. Presidente da Comissão de Estudos Jurídicos do Fluminense Football Club. Autor de diversas obras jurídicas, com destaque para o Curso de Direito do Trabalho, Editora Saraiva, Consolidação das Leis do Trabalho Comentada, Editora Juspodivm, Estudos Aprofundados para a Magistratura do Trabalho (Editora JusPodivm) e Curso de Direito Processual do Trabalho (Editora Saraiva).


Patrono:
Délio Barreto de Albuquerque Maranhão

Conhecido como Délio Maranhão, nasceu em 1915. Graduou-se em Ciências Jurídicas em 1937, pela então Faculdade Nacional de Direito da Universidade do Brasil, atual Universidade Federal do Rio de Janeiro. Foi magistrado de Carreira no Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região, tendo atuado em Juntas de Conciliação e Julgamento, no Tribunal Regional do Trabalho e com inúmeras convocações para o Tribunal Superior do Trabalho.

É co-autor, junto com Arnaldo Sussekind e Segadas Vianna, da principal obra trabalhista publicada no Brasil – Instituições de Direito do Trabalho, cuja primeira edição data de 1957. Jurista excelso, participou de inúmeros congressos como conferencista, no Brasil e no exterior. Foi professor da Fundação Getúlio Vargas, no Rio de Janeiro, por extenso período. Nesta casa, através da Editora FGV, publicou outro grande clássico do Direito do Trabalho, em 1966: Direito do Trabalho, que obteve sucessivas reedições.

Foi membro da Academia Nacional de Direito do Trabalho e do Instituto dos Advogados Brasileiros. Autor de mais de uma centena de artigos doutrinários dedicados ao Direito e ao Processo do Trabalho. Nas palavras de Evaristo de Moraes Filho, seu colega de turma na faculdade de direito: “foi o maior Juiz do Trabalho que nós tivemos”.